BLOG

SÃO JOSE DIA E NOITE

VIVA URBANOVA

 GUIA

  FALE CONOSCO
 
 
 
  PRIMEIRA
  CIÊNCIA  
  CINEMA
  ECONOMIA
  EDUCAÇÃO
  ENTREVISTA
  ESPORTES
  GALERIA
  GASTRONOMIA
  INFORMÁTICA
 
  MEIO AMBIENTE
  OPINIÃO
  POLÍTICA
  SAÚDE
  SURF
  TODA MÍDIA
  EXPEDIENTE
  ED. ANTERIORES
  COLUNISTAS
  ACASSIO COSTA
  ALESSANDRO L.
  BÁRBARA LIA
  CARLOS BRICKMANN
  CORREA LIMA
  DELAMARE MC
  DORA DIMOLITSAS
  ELIÉZER ZAC
  FLÁBIA FARIA
  GABRIELA MORI
  G. BOLAÑOS
  JOCA FARIA
  JOSÉ R BESSA
  JOSÉ SESPEDES
  LAÍS GURGEL
  LORA SALIBA
  LUCIANE BARBOSA
  MARLI GONÇALVES
  PEDRO PORFÍRIO
  RICARDO FARIA
  RITA ELISA
  ROBSON MARQUES
  RONALDO DURAN
  SIMONE NEJAR
  SYLVIO MICELLI
  TELMA CARVALHO
  VINICIUS NOVAES
  SUPLEMENTOS
  DECORAÇÃO
  MULHER
  TURISMO
  S. JOSE DOS CAMPOS
  A CIDADE
  SUA HISTÓRIA
  SUA GENTE
  PERSONALIDADE
  GALERIA
  ESPAÇO USP
  TECNOLOGIA
  COMUNICAÇÃO
  PÉ NA ESTRADA
 
 
 
 
   

 

  23.01.2012 03h.30  
  PM invade o Pinheirinho. Deputado Protógenes Queiroz visitou moradores expulsos

 

 

 
por Ricardo Faria / Acassio Costa  

A tropa de Choque da Polícia Militar cumpriu neste domingo uma ordem de reintegração de posse no bairro do Pinheirinho em São José dos Campos, São Paulo. A operação provocou confrontos entre a polícia e os moradores, que chegaram a bloquear trecho da rodovia Presidente Dutra durante protesto.

A operação policial começou às 6h deste domingo, 22, com 1,8 mil homens e 2 helicópteros. De acordo com a PM, até às 8h17 duas pessoas tinham sido detidas, embora o jornal local O Vale informe que há pelo menos 15 presos.

A Polícia Militar informou que os moradores atearam fogo nos acessos da ocupação para dificultar a entrada dos policiais.

Para vencer a resistência, a PM usou bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha.

Por volta das 11h30, os moradores começaram a queimar veículos. Entre os carros estavam um pertencente a uma prestadora de serviços telefônicos e outro da TV Vanguarda, afiliada da TV Globo.

Um dos feridos no conflito, Davi Washington Furtado, continua internado no Hospital Municipal, da Vila Industrial.

O Deputado Protógenes Queiroz esteve em São José dos Campos na tarde do domingo quando conversou com o comando da PM, visitou e hipotecou solidariedade aos moradores do Pinheirinho que estavam nas tendas montadas pela prefeitura local.

O tratamento dispensado aos moradores retirados do Pinheirinho horrorizou Protógenes que também foi ao Pronto Socorro Municipal da Vila Industrial.

O deputado retorna ainda hoje à São José dos Campos quando pretende investigar fatos e documentos que motivaram a reintegração de posse.

Segundo ele, os moradores foram iludidos com a promessa de adiamento por 15 dias da ação de reintegração de posse até festejaram no último sábado, mas, no domingo,22, foram pegos de surpresa com a ação da Polícia Militar.

Deputado Protógenes Queiroz, Deputado Carlos Giannazi e o Vereador Tonhão Dutra, foto Ricardo Faria

Protógenes Queiroz, Tonhão Dutra, Juiz Rodrigo Capez e o Coronel Manoel Messias de Melo, foto Ricardo Faria

Moradores do Pinheirinho nas tendas montadas pela prefeitura, foto Ricardo Faria

Moradores do Pinheirinho nas tendas montadas pela prefeitura, foto Ricardo Faria

Moradores do Pinheirinho nas tendas montadas pela prefeitura no Poliesportivo do Campo dos Alemães, foto Ricardo Faria

Protógenes conversa com moradores - Moradores do Pinheirinho - Foto Ricardo Faria

Protógenes conversa com moradores - foto Ricardo Faria

Protógenes e Antonio Donizete advogado do Sindicato dos Metalúrgicos - foto Ricardo Faria

Protogenes sendo entrevistado - Cel. Manoel Messias e o advogado José Aristeu - foto Ricardo Faria

Moradores do Pinheirinho saindo das tendas montadas pela prefeitura, foto Ricardo Faria

Abaixo noticia do jornal O Vale:

Famílias sem-teto começam a deixar o Pinheirinho, em São José dos Campos

Beatriz Rosa
Flávia Marreira
Vivian Zwaricz
Marinella Souza
Michelle Mendes/Bom Dia
Tânia Campello/ Bom Dia

Desde a madrugada de domingo, a Polícia Militar está com um forte efetivo no acampamento sem-teto do Pinheirinho, na zona sul de São José dos Campos, para cumprir a ordem de reintegração de posse da área. O dia teve clima de guerra naquela região.

01h25 - O presidente do STJ (Supremo Tribunal de Justiça), Ari Pargendler, confirmou que a competência de decisão sobre a reintegração de posse do acampamento sem-teto do Pinheirinho era da Justiça Estadual, e não da Justiça Federal. Assim, o STJ atesta a legitimidade da retirada dos moradores.

00h10 - De acordo com o último balanço da polícia, 10 carros foram incendiados durante a operação.

23h50 - A Secretaria de Transportes informou que desde às 22h deste domingo suspendeu todos o ônibus da cidade, mas o serviço será reestabelecido nesta madrugada. Apenas a zona sul ficará sem ônibus nessa segunda-feira.

23h21 - Padaria Dom Pedro, que pertence ao vereador Robertinho da Padaria (PPS), na zona sul de São José, foi incendiada. O estrago foi grande e o fogo foi contido por moradores. Neste momento, policiais militares, Guarda Municipal e Corpo dos Bombeiros estão no local.

23h08 - Neste momento, muitas pessoas que saíram do acampamento ocupam a igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, no Campo dos Alemães, e vão passar a noite lá.

15h52 - A Polícia Militar concedeu entrevista coletiva na tarde de hoje e mais uma vez negou possíveis mortes durante a reintegração de posse do Pinheirinho. Sobre o rapaz que foi gravemente ferido, a PM disse que foi um caso fora da da operação de reintegração.
Segundo a corporação, todo o espaço do acampamento foi ocupado em 40 minutos e 16 pessoas foram detidas por resistência e levadas para o 3º DP da cidade. Foram apreendidas armas brancas, como facas e pedaços de pau com pregos nas pontas.
A PM acredita que até amanhã, no máximo, todas as famílias sejam retiradas do local. Após a saída dessas famílias, dá-se início a demolição das casas. A polícia somente sairá do local quando a posse for entregue ao proprietário. Ainda de acordo com a PM, a reintegração está sendo mais tranquila do que esperava.

14h57 - 235 famílias já foram atendidas no Centro de Triagem que está funcionando nas tendas montadas pela prefeitura em frente ao Pinheirinho. 120 delas pediram mudança para São José dos Campos. Outras cinco pediram passagem para outras cidades. Outras 110 famílias vão para alojamentos, sendo que 54 vão ficar em alojamentos por um período a curto prazo e 56 a longo prazo.

14h12 - A vai Dutra continua interditada, segundo a NovaDutra, entre os kms 154 e 155 sentido Rio de Janeiro. A rodovia foi bloqueada por moradores do Pinheirinho. Apenas a faixa da esquerda foi liberada.

 14h07 - O Deinter 1 (Departamento de Polícia Judiciária do Interior) de São
José dos Campos reforçou o efetivo de escrivães e investigadores nas delegacias de plantão da cidade.
Durante o trabalho de reintegração de posse do Pinheirinho que está sendo executado pela Polícia Militar, os policiais civis de plantão nos 1º e 3º Distritos estão atuando no registro de ocorrências.
Até agora foram registradas 15 prisões, casos de veículos queimados e um homem baleado.
"Homens da DIG e Dise também estão de plantão, preparados para dar apoio em eventuais transportes de presos", disse o delegado assistente do Deinter, Edilzon Lima

13h49 - Pelo menos oito carros foram incendiados e 15 pessoas foram feridas durante a operação.

13h46 - Pelo menos 260 famílias já saíram de suas casas no Pinheirinho. Segundo a PM, eles têm até as 20h para fazer toda a reintegração. O número de Oficiais de Justiça chega a 40. Os moradores também tiveram a água e a luz cortadas.

13h38 - A Polícia Rodoviária Federal acaba de informar que a Dutra já foi liberada.

13h36 - A via Dutra acaba de ser bloqueada por moradores do Pinheirinho. Segundo a NovaDutra, a pista sentido Rio está totalmente interditada nos kms 154 ao 155. A interdição teve início às 13h20. O congestionamento chegou a 1 km.

13h25 - Um policial militar se feriu durante a operação e está estável e consciente. Líder do movimento sem-teto, Valdir Martins, o "Marron", afirmou que não está mais dentro do acampamento. "Eu estava lá no momento em que a polícia entrou. Eles entraram no acampamento de forma violenta, sem respeitar ninguém. Agiram de forma agressiva com todo mundo, inclusive eu fui agredido", disse.

13h21 - As famílias já começaram a ser retiradas do acampamento. A prefeitura vai começar a servir o almoço neste momento no Centro de Triagem que fica em frente ao Pinheirinho. Segundo a prefeitura, serão servidos 5 mil refeições.

13h11 - A unidade da Fundhas do Campo dos Alemães está sendo depredada. O local está sendo invadido e computadores e outros eletrônicos estão sendo roubados.

12h28 - Em entrevista coletiva o juiz assessor da presidência do Tribunal de Justiça, Rodrigo Capez, afirmou que só havia um protocolo de intenções por parte do Governo Federal, não havia nenhum interesse da Prefeitura de São José em desapropriar a área."A juíza [ da 6ª Vara Cível de São José] Márcia Faria Mathey Loureiro fez uma consulta ao presidente do Tribunal de Justiça, que entendeu que as justiças Estadual e Federal são independentes e uma não pode se sobrepor à outra. Assim, a reintegração de posse do terreno está mantida", disse.

12h11 - Pelo menos 400 servidores e 120 assistentes sociais estão envolvidos na operação.

12h07 - Mais quatro pessoas foram detidas por resistir ou atacar a Polícia Militar. Agora, no total, são 15 pessoas detidas e levadas para o 3°DP.

12h02 - As famílias começaram a serem retiradas de suas casas. Elas estão recebendo uma senha para, posteriormente, passar por uma triagem. Aos prantos, as famílias estão sendo levadas para a escola Edgar Melo.

11h44 - Neste momento 15 Oficiais de Justiça junto com soldados da Tropa de Choque estão em frente ao portão do Pinheirinho para cumprir a ordem de despejo. Pelo menos cinco ônibus vazios estão no local, provavelmente, para retirar as famílias do acampamento.

Até o momento pelo menos 11 pessoas foram detidas e encaminhadas para o 3ºDP.
Um homem ficou ferido por um tiro durante confronto entre a Guarda Municipal e um grupo de vândalos que tentou invadir o poliesportivo do Campo dos Alemães. Segundo a prefeitura, a vítima passou por uma cirurgia e está estável.

10h59 - Mais uma pessoa foi detida por resistência. Ela também foi levada para o 3º DP da cidade.

10h57 - Segundo a PM, mais de 2.000 homens das 39 cidades do Vale do Paraíba estão envolvidos na operação. De acordo com o Capitão Antero, o policiamento nos outros municípios não foi afetado. A preocupação da PM é com o aspecto social.

Dois helicópteros estão sendo utilizados na operação. Um é o Águia e o outro é o Olho de Águia. Esse último possui uma câmera que está filmando e fotografando toda a ação.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, não está sendo utilizado arma letal, apenas gás lacrimogêneo, bomba de luz e som e bala de borracha. Eles afirmam que não há feridos em confronto com a PM.

Segundo a PM, a Tropa de Choque entrou e fez o domínio do local. Agora, a retirada deve ser feita a qualquer momento.

A PM montou uma estrutura para a imprensa em um colégio que fica no bairro.

10h40 - Um carro de Unidade de transmissão móvel da TV Vanguarda acaba de ser incendiada. O veículo é utilizado para fazer links ao vivo. Outros dois carros também foram incendiados.

10h20 - Dez pessoas foram detidas e levadas para o 3º DP, que fica no Conjunto 31 de Março, no Parque Industrial. Duas viaturas do grupo de elite da PM saíram do Pinheirinho com o veículo lotado de armamentos caseiros

9h57 - Em entrevista coletiva, o Capitão Antero da PM, negou que o tiro que atingiu o rapaz, gravemente ferido, tenha sido disparado por policiais militares.

9h49 - A estratégia da PM - A Polícia Militar bloqueou todas as ruas dentro do acampamento. Ninguém sai, ninguém entra. A ação deve, para suspostamente, faciltiar a retirada das famílias por quadra.

9h45 - Os moradores do Pinheirinho colocaram fogo em um carro que estava na rua. Um caminhão do Corpo de Bombeiros já chegou ao local.

8h40 - Um rapaz, David Washington Furtado, foi gravemente ferido e foi levado para o Hospital Municipal da cidade. Segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Saúde, ele está no centro cirúrgico e o estado de saúde dele é grave. Outros três feridos foram levados para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Campo dos Alemães, também na zona sul de São José.

A informação é de que neste momento a PM está utilizando armas de fogo dentro e fora do Pinheirinho. A informação ainda é extraoficial.

O clima no local é de guerra. A PM cercou todas as entradas.

Neste momento está havendo um confronto entre moradores e PM nas mediações do acampamento. Os moradores estão jogando pedras e a polícia reage com balas de borracha.

Prefeitura. O secretário de Desenvolvimento Social, Francisco Sawaia de Lima, está em reunião com equipes da prefeitura neste momento. Pelo menos quatro ambulâncias estão de prontidão na entrada do acampamento.

Operação. A operação teve início às 6h ddeste domingo com helicópteros Águia sobrevoando o local e jogando bombas de efeito moral e gás lacrimogêneo. Os moradores foram pegos de surpresa e começaram a atear fogo nas barricadas de pneus na tentativa de uma reação.

Mas a ação da PM foi muito rápida. A Força já sabia onde estavam as armas e onde os líderes moravam. As armas foram apreendidas e os líderam foram algemados para desmobilizá-los. Todos os moradores estão sendo mantidos dentro de suas casas.

O pintor Cleiton Alves de Souza, de 26 anos, e sua esposa, Larissa da Silva, 19 anos conseguiram sair do acampamento com seus dois filhos, de 2 anos e 1 mês. Eles alegaram estar com muito medo.

Alguns outros moradores, que também saíram de suas casas, tiveram que voltar. Eles alegam que a não tem para onde ir.

Neste momento, há um confronto entre os moradores do Pinheirinho e os guardas municipais que tomam conta das tendas que a prefeitura montou em frente ao local. Os moradores estão jogando pedras na Guarda que reagiu com balas de borracha. Parte do poliesportivo do Campo dos Alemães foi depredada

Ferido. Uma pessoa foi ferida no acampamento e levada para o Hospital Municipal da cidade. Ainda não há informações sobre o estado de saúde dela.

Sem-teto. O advogado dos sem-teto, Aristeu Neto, acabou de fazer um B.O. (Boletim de Ocorrência) de flagrante por desobediência à ordem da Justiça Federal que havia se manifestado a favor da regularização do local. Ele Acabou de entrar com um contramandado para suspender a reintegração de posso. Segundo ele, a ordem desrespeita a Justiça Federal.

Neto também está tentando recorrer ao governador Geraldo Alckmin (PSDB), na tentativa de suspender a reintegração.

Operação de guerra. A PM montou uma verdadeira operação de guerra no local. Todas as ruas do entorno foram barradas para impedir a saída dos moradores. Até mesmo parte da imprensa foi recebida a bombas.

Pelo menos 1.800 PMs estão envolvidos na operação que conta com o apoio da Tropa de Choque e da equipe da ROTA de São Paulo. OVALE


Indique para um amigoImprime

topo

©vejosaojose.com.br - reprodução permitida com citação da fonte

4CURITIBA
4PORTO ALEGRE
4SÃO  JOSE
4SOROCABA
 

4A VALE É NOSSA

 

4DEFESA DA VIDA

 
4VIVA URBANOVA
 
4EMPÓRIO DUARTE
 
4SHOPPING 2 RODAS
 

4ECONOMIZE ENERGIA ELÉTRICA Serviço garantido

 

4LEITE É COOPER  COMPROVE

 

4DE OLHO NO IMPOSTO

4TENDA ATACADO
4EXTRA - Sempre o melhor preço,confira
 

4MOCC

 

4SHOW TIME

 

4TRIBUNA DA IMPRENSA - A verdade sempre

 

4OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA

 

4CARTA MAIOR

 

4BLOG DO PROTÓGENES

 
4JORNALISMO.COM.BR
 

4TORTURA NUNCA MAIS

 
 

4DENUNCIE

 
JORNAIS
Adcnews
Jornal Andrômeda
Jornal do Povo
Jornal dos Esportes
Jornal Vila Ema
O VALE
Perfil Mulher
Portal Adyana
Saviver
ValeParaibano 
RÁDIOS
Band 1120 AM  
Band FM
Jovem Pan FM 94,3
Logos FM
975 FM
Otima Fm
Piratininga AM
Piratininga FM
Planeta FM 
Stereo Vale FM 
TVs
BandVale
Mix Tv
Record
SBT
Tv Cultura
Vanguarda